Sonho meu

3 de abr de 2009
Olha gente, juro que eu gosto de calor, mas calor numa escala humanamente tolerável. O inferno é aqui embaixo da minha cidade. Cer-te-za. A situação tá crítica. Senegal ligou e pediu o calor de volta, pq né?! Bom, mas não é disso que eu quero falar, foi só um desabafo, anyway.
Então, não sei se eu contei aqui, mas tenho sempre sonhos bem esquisitos. Essa madrugada sonhei que tomava tinta de carimbo, sim, aquelas tintas azuis que coloca em almofada para carimbo. Bom, sonhei que tomava uma goladas daquilo, não sei para quê, mas fez o maior sentido no momento, daí que logo depois me bateu um arrependimento de ter tomado e fui perguntar ao meu primo se não era melhor eu vomitar aquilo, pq sei lá, podia fazer mal(!!!). Gente, isso tudo foi no sonho. Fui numa pia e meti o dedão na garganta, o vômito vinha e ia, vinha e ia. Só sei que acordei morrendo de vontade de vomitar, aí pensei, "nossa, deixa eu ir vomitar logo pq a tinta vai fazer mal", só aí foi que lembrei que aquilo era sonho e eu não tinha bebido porra nenhuma. A sim, só lembrando tb que enquanto eu tentava vomitar, a prima de um primo meu pedia para eu não fazer barulho para não acordar o leão albino que dormia no quintal. JURO.
Pois é, já fui no google e não achei nada referente a tomar tinta para carimbo azul naqueles sites de significado de sonhos. 
2 de abr de 2009
Nossa, ontem tive uma noite maravilhosa. Regada a vinho vagabundo, Valdick Soriano, pizza cone e "os normais". Serião, me diverti pencas, inclusive gravando um videoclipe da música "Dama de vermelho" com Vanessa, vídeo esse que o bom senso me impede de posta-lo aqui. 
Bom, a questão é essa. Na semana que vem estarei viajando para o Espírito Santo com o pessoal da faculdade e espero que seja uma viajem inesquecível positivamente. 

Gente, e sábado que eu fui à Choperia depois de mais de ano sem pisar os pés lá. Nossa, Deus sabe o quanto tinha enchido o saco daquelas pessoas, daquele ambiente, daqueles garçons, daquela conta. Mas sábado superou minhas espectativas. Boa música, boa bebida, boa companhia. Fiquei muito do alegrinho e agradeci a Nossa Senhora dos Celulares de Bêbados de não ter mais celular de conta, pq tava no ponto de fazer merda. Aliás, se tem uma coisa que eu sou expert, é fazer merda com celular, adoro um sms, uma ligação assim, sem mais nem menos às 02:30 da madruga. Sério, tirem o celular de mim quando me verem bêbado. Pois é, cheguei em casa e cismei de assistir um filme. Sim, bêbado. Sim, de madrugada. Bom, fui. E não, não entendi nada!

xerometwitta!