31/12/2008

31 de dez de 2008
Sério, agora sério. Não vejo a hora desse inferno de fim de ano acabar. Passou Natal, tá passando o ano novo. Eu estou entrando em parafuso, tô ansioso, tô nervoso. Sabe, fim de ano é cm se fosse um ultimato para tu resolver TODOS os seus problemas, cm se tu tivesse que lutar contra o tempo para deixar tudo em ordem para no ano q tá chegando. Bom, seria ótimo se realmente pudessemos resolver tudo assim, antes do dia 1º de janeiro. Allloooouuu, eu não tenho dinheiro, sanidade mental, nem tempo de deixar tudo no esquema. Então, eu sei que deveria relaxar. Não tornar as coisas mais difíceis, mas cadê que eu não consigo colocar na minha cabeça!

Alguém me explica detalhadamente e didaticamente que eu não posso com o mundo. Que eu não posso resolver os problemas de todos. Que dia 1º a vida volta ao seu curso normal e o mundo [espero eu] não terá acabado e dará tempo de tu fazer as coisas que pretende, depende somente da sua vontade. Que as pessoas continuarão as mesmas, nem melhores, nem piores que no dia 31. Que vc, continuará o mesmo no dia 1º, nem melhor, nem pior. Que o ano é longo e amizades virão, outras irão embora, paixões marcarão, outras serão descartáveis, acontece. Que tu tem uma média de 360 dias até o Natal e que começará essa palhaçada toda novamente. Que não adianta fazer aquela lista de "coisas a se fazer no novo ano", pq vc n cumprirá nem 1/3 dela e será somente mais um motivo de frustração no fim do ano. Que as oportunidades tu cria a todo momento, não percebemos metade delas, mas é aí que está o segredo, saber aproveitar essas oprtunidades mesmo quando não as reconhecemos. Que a vida no fundo é boa, contabiliza quanto de risada que tu deu. Que tu fará mais um aniversário, terá um ano a mais, ou um ano a menos, depende de como tu veja, é relativo.
Bom, no fundo todos nós já sabemos dessas coisa, mas é que é tão complicado.

Mas enfim, deixando de lado a hipocrisia, desejo a todos um ano novo belíssimo, inclusive o meu, nunca se sabe.

beijosfui [ass:2008]
Vcs precisavam me ver ontem, desejei "Feliz porra de Ano Novo" para todo mundo que eu vi. Coisa linda.
Gents, já me estressei hoje. Sério.
Simbora, que o dia é longo.

Olhaquí

30 de dez de 2008
Eu tô surtando, tô-sur-tan-do. A porra do fim do ano aí, batendo na porta e eu nessa aflição toda, tô em pânico. Ainda são os restos mortais do Natal me atormentando, certeza que é. Ou pode ser porque fiquei de cabeça para baixo no brinquedo do parque no domingo e o treco não voltava ao normal, o sangue subiu para a cabeça, só pode. Whatever.
Procuro motivos para brigar com as pessoas, me sinto carente, como diria minha amiga Regina, "muito franco".
Ai, tô chato, tô pedante, tô uerro. Só não precisa correr de mim pq já tomei todas as minhas vacinas e não mordo a menos que me peçam . Sério, alguém me dá uma boa notícia, mas daquela bem boa mesmo.

beijosmimata
27 de dez de 2008
Eu sou hipocondríaco, sério. Vocês precisam ver a minha felicidade pq achei um anador na minha carteira. Ai, tomei tem cinco minutos e tô aqui morrendo de vontade de tomar um dorflex pq a dor ainda não passou. Uma vez enquanto ainda usava aparelho nos dentes usava uma mola que doía muito, mas muito mesmo. Um dia começou a doer pelo começo da tarde e não parou mais, tomei um remédio aqui, outro alí. No fim do dia eu tinha tomado 15 comprimidos, 15 COMPRIMIDOS. Deu uma reação alérgica e eu fiquei parecendo um japonês, só via o traço do meu olho, inchou tudo e ficou anestesiado. Não sentia na-da. Um perigo.
Bom, mas tô com essa dor de cabeça chata pq ontem eu fui para o Bar de Bosco, ai gente, preciso parar de beber na sexta, pq acordo no susto no sábado com a boca seca, cabeça doendo e meio dia de trabalho pela frente.
Sério, precisa nem dizer que foi bom para rir. Deu para abstrair do Natal dos sonhos. Pelo menos isso.

Presente de um anjo

26 de dez de 2008
Num clima bem mais animado eu quero falar sobre uma coisa que aconteceu no dia 23/12. Depois de alguns dias de ansiedade chegou pelo correio uma das coisas mais lindas que eu ganhei e que aconteceu comigo esse ano, uma das poucas coisas realmente bonitas que aconteceu comigo esse ano. Recebi um cartão de natal, na verdade meu único cartão desse natal. Recebi esse mimo da Tata, uma das melhores pessoas do mundo, das melhores pessoas que eu poderia conhecer, mesmo que só virtualmente, por enquanto. Bom, o cartão foi lindo, já o li tantas vezes que acho que decorei tudo que ela escreveu dentro. Ela mandou também um pequeno presente, quando digo pequeno quero dizer materialmente, por que foi de um significado imenso, incalculável. Ganhei um rosário de São Miguel Arcanjo.
Já fui mais religioso, já fui de ir mais à missa, de confessar, comungar. Hoje faço isso de forma mais planejada, não é muito tão natural, instinto. Mas quando vi o rosário senti uma conexão, um acolhimento.
Acho que o destino conspirou a nosso favor, Tata. Seu presente chegou bem na véspera de Natal, no dia em que realmente eu estava precisando desse acolhimento. Senti uma necessidade imensa de rezá-lo, assim o fiz. Coloquei todas as pessoas que eu amo em minhas orações, todas as pessoas que fazem meus dias não serem medíocres. Obrigado, Thais Camargo.

...e o que você fez?

Pois é, Natal. Enfim natal. Sei lá, pode ser que seja o cheiro do ano novo, as promessas não cumpridas, os planos desfeitos, as vontades reprimidas, mas estou num estado não tão interessante e olha que quando eu falo em estado não estou falando geograficamente. Bom, a verdade é que são 22:34 da noite de natal e eu estou no meu quarto digitando esse texto que só irei postar somente na sexta-feira. Eu não tinha plano, não tinha mesmo, só imaginei que meu natal seria um tiquinho mais animado. Nunca imaginei que a primeira retrospectiva 2008 que veria seria a minha. De ontem para cá já pensei em tudo que me aconteceu e o que poderia ter acontecido nesse ano. Me dá um nó no peito, um nó seco, um nó rancoroso. Definitivamente um sentimento que eu não gostaria de tê-lo. Esse nó tem nome, esse nó tem uma história. Meu pai.

Estou prometendo para myself publicar esse post. Sei que amanhã [hoje quando eu for postar] esse sentimento vai ser inundado pelo sol, o sol nos faz ser mais racionais, o sol é uma maquiagem perfeita para a tristeza. A noite não, a noite aflora tudo que somos, tudo que queremos e não queremos, a noite nos faz escrever coisas que só falamos ou sentimos sob seu luar. Portanto, publicarei esse post que estou escrevendo à noite, amanhã, de dia.

Pois é, prometi a uma amiga que ligaria para meu pai na noite de natal, não consegui. Não consegui imaginar a cena de ligar para ele e o ouvir mandar abaixar o som da festa da nova casa dele, não consegui suportar a idéia de que ele deve ter feito uma enorme festa, com muita comida, muita bebida, muita animação como ele costumava fazer aqui com sua família, enquanto seus filhos e sua ex-esposa se viram como podem, na esperança de que tudo vai melhorar, não graças a ele. Não consigo suportar a idéia de que o filho de sua amante terá brinquedos, presentes. Tirados covardemente do natal de meus irmãos. Eu não suporto a idéia de que meus irmãos estão acostumando com o fato de não terem mais um pai. Porra, eu tive um pai, eu amei uma pessoa que um dia me apunhalou, aliás, muito pior, apunhalou minha mãe e meus irmãos, todos mais novos, todos indefesos, carentes. Me dói do fundo coração saber que meus irmãos não terão a figura paterna. Me dói mais, muito mais ver o quanto ele não liga, o quanto ele não se importa. Ver que ele não faz a mínima questão de tentar uma aproximação, de nunca ter chegado e dito “desculpe, eu errei”, tudo que eu vejo é prepotência e arrogância, mentira e falta de caráter.

[...]

Não consigo aceitar o fato de ter amado uma barra de concreto, olhar fotografias antigas e imaginar que por detrás daquele semblante de felicidade se escondia tanta tristeza e insensibilidade. Porque só isso explica o fato dele se desligar tão facilmente de sua família de 22 anos, 22 fucking anos.

Eu ia escrevendo que talvez um dia eu o perdoe, mas percebi que já o perdoei. Perdoei ele ter traído minha mãe, de ter pedido uma segunda chance e ter nos enganado de forma mais mesquinha ainda, perdoei ele ter saído de casa sem nenhuma dor na consciência, perdoei todas suas mentiras, Deus sabe por quanto tempo. Mas fica a dor, o rancor, a mágoa. Isso eu não tiro com palavras, isso o tempo tira, ou não. Eu particularmente preferia não tê-los, preferia a opção de ligar para ele ontem e dizer “feliz natal”, sem nó seco na garganta. Preferia que ele tivesse sido honesto conosco e consigo mesmo. Enfim, no mundo imaginário do “eu prefiro”, escolheria a opção ser feliz.

A pergunta que fica!

Se é o peru que morre...
... pq a missa é do galo?
24 de dez de 2008




















Sim gente. Essa puta peituda ao lado da Amy é a própria Amy, num passado não muito distante e algumas carreira de cocaína a menos. Clica na foto que dá para ver melhor

Ficadica e Feliz Natal.
Olha gente, eu não sou a pessoa mais lembrada do mundo. Na verdade eu sou beeem esquecido. Então quando chega essas datas onde todo mundo se cruza na rua e deseja "feliz isso", "feliz aquilo" eu me passo por mal educado.
Geral vem falando "feliz nataaaaal", pausa para processamento e um segundo depois eu lembro que realmente estamos no fim do ano já e que as pessoas normais de cumprimentam assim.
Mas sério, tem horas que nem é esquecimento, é que meu cérebro não acompanha a situação. Tipos que dia desses fui no aniversário de um amigo, cheguei e dei os parabéns, falei com a família dele, comi, bebi e só depois lembrei que ele é gêmeo, consequentemente o irmão dele tb estava fazendo aniversário e eu nem aí. Mas tb já era tarde demais para dar os parabéns, continuei fingindo que tava tudo certo.
Eu fico com aquela coisa na cabeça, "daqui a duas semanas eu tenho um compromisso, sei que tenho". Tá, ok, mas eu não lembro onde, com quem, nem hora. Não ajuda muito né?!
Mas ontem foi demais. Um amigo disse que ia em minha casa à noite, certo, até aí tudo bem. Tipos que cheguei em casa e sabia que tinha algo para fazer, tomei banho esperando lembrar e depois me arrumar rapidão. Passa hora, passa hora e nada de lembrar. Hoje foi que me toquei que eu não tinha para onde ir, justamente o contrário, tinha que ficar em casa esperando ele. Bom, estou agora perguntando porque ele não foi.
Resposta: Foi mal, esqueci que tinha um amigo secreto para ontem.

É, pelo menos não estou sozinho!
23 de dez de 2008
Tô moído. Subi a serra no fim de semana, tiposki tava um sol senegalês, um inferno e todos os rios e cachoeiras estavam bem abaixo do nível. Foi bom? Foi. Bora novamente? Espera eu superar. É sempre assim, prometo nunca mais ir e passa um tempo, ói eu lá travêis!

Olha, sério... Dá uma bisoiada na vista:


















Então, calcule que nós estavamos láaaa embaixo.
No mais foi engraçado, ri muito, ri demais...
20 de dez de 2008
Outra coisa.
Bora começar a comentar? Bora?
Opa, opa. Cheguei, cheguei girando e cantando. Mentira, tô numa preguiça do cão, num sono do cão, numa fome do cão. Ai, tenho que cortar o cabelo, tô com a juba imensa. Mas cadê a coragem?!
Piooooor, o pior mesmo é que amanhã eu sou praticamente obrigado a ir subir a serra. Sério, eu adoro subir a serra, mas o fato dela ser a maior do estado, de acordar às 06:30 da madrugada [oi, no domingo 06:30 é madrugada] dá uma preguicinha. Só me animo lá, não tem jeito.
O que fazer do sábado então!? Bom, há um leque de possibilidades. Mentira novamente, tenho que acordar cedo, então as chances de sair e beber são o quê? Zero.
Gente, aqui. Na quarta-feira eu fui bombardeado por uma dose dupla de sinserismo. Duas, eu disse DUAS pessoas que estavam comigo na comemoração confidenciaram que não ME SUPORTAVAM quando me conheceram. Tá, não sei o termo realmente foi NÃO ME SUPORTAVAM, mas eu estava bêbado e eles tb, então tanto faz. Mas que depois mudaram completamente a opinião sobre mim, também não lembro se foi completamente, mas tanto faz tb. Pois é gente, surpreendendo bem para surpreender sempre.
Voltando aqui, tenho que tirar a barba e cortar o cabelo hoje de todo jeito, pq estou numa vibe Taliban Style, então se eu tomar sol amanhã na serra e só depois tirar a barba e cortar o cabelo não vai ter quem olhe, aliás, vai. Não vai ter é quem contenha a risada. Imaginem a cena, o pedaço da testa e do rosto coberto por pêlos vai ficar mais clara que o resto. Uerro. Então, Nossa Senhora da Bicicletinha, dai-me equilíbrio para enfrentar o barbeiro hoje, amém.

Vou começar a colocar marcadores nos posts, não estranhem. É que quero tornar mais fácil de me acharem no google. Quero ser pop, gente.

Ainda quero ser pop, mas marcadores deixam o texto feio.

Dezenouve dhji dezeimbro...

19 de dez de 2008
Pois é gente, hoje faz mais um ano que nossa querida, amada, salve, salve Leila Lopes rodou, rodou, rodou e nadamaisselembra! Sua sorte foi não estar de fushquinha, ou estaria realmente mooooooorta. Bom, como recordar é viver e nós nunca nos cansamos dela, aqui vai o vídeo em que Leila e Berenice seguram tudo, no limite da morte!

game over!

Bom, pelo post abaixo já deu para perceber que a despedida do período foi muito boa. Não, minto. Foi ótima. Sério, nunca mais tinhamos reunido a galerë daquele jeito. Quando cheguei no campus só havia pouca gente, muito pouca mesmo. Poucos e bons, de certo, mas poucos. Fomos reunindo aqui e alí e nos mandamos para a pizzaria. Bom, começamos com 3 mesas e acho que no fim da noite já tinhamos umas 8 mesas enfileiradas. Risos, conversas e fotos inpublicáveis.
Até os professores acabaram aparecendo, os primeiros foram nossos antigos professores de Economia e Adm de Recursos, que são pessoas geniais naquilo que se propõem a ensinar. Pois é, mas aí teve o momento tensão da noite. Avisaram que o pseudoprofessorbabacão estava à caminho, na boa? Gorfei, pq né?! Estava ali comemorando com pessoas que eu gosto o fim do período, o fim do tempo em que eu era obrigado a suportar a cara daquele ser do pântano. Mas aí ele chegou com mais alguns professores e sentou bem longe de mim. Me-nos-mal.
Ai gente, vou sentir saudade da professora de Direito, juro que vou. Até dos tique nervoso "psit" dela mandando geral fazendo silência, vai entender.
Mas aí conversa vai, conversa vem, hora de ir para casa. Mas neeeem. Esticamos para o Submarino, um bar na avenida, mas aí já foi pouca gente. Rimos mais, bebemos mais e acabei escrevendo aquele post bêbado e dormindo na casa de meu primo.

My people paaaaaaartyyyyyyy

17 de dez de 2008
Ai gente, alguém me segura que eu estou postando bêbado às 02:40 da madruga. Acabei de hegaer da farra e tô bna casa do meu primo. Ai, ai... Depois posto detalhes... Pq né?!

BOM, ADIANTo que foi muuuuito bnom, me cobrem detahes por favor!

Muita gente siquerendo, gente que vou sentir saudades demais.


opa, tô bebado!!!!!!!11

Do emessiene!

Rafael foi adicionado à conversa.

reginho diz:
olha só... coordenado!
kelly diz:
kkkkkkkkkk
kelly diz:
vc viu
Rafael diz:
tamu assim com kelly e may tb

Mayara foi adicionado à conversa.

reginho diz:
uuuia, a vaca da Mayara me excluiu do messiene!
reginho diz:
a não... só tinha me bloqueado!
Mayara diz:
foi mal
kelly diz:
kkkkkkk
Mayara diz:
adoro o vaca
reginho diz:
eu sabia... tu me bloqueia e mesmo assim eu sou um doce com tu!
reginho diz:
eu. não. existo.
Mayara diz:
palhaço
kelly diz:
é reginho é um doce...kkkkkk
reginho diz:
vcs tão mto segregados! muita panelinha de contábeis!
Rafael diz:
reginho convidei kelly e vou convidar mayara
reginho diz:
bem q eu sabia q n devia me misturar com esse povo
reginho diz:
p q?
Rafael diz:
p/ inxiridar sua confraternização hoje pode?
kelly diz:
pode sim
reginho diz:
HAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHA
pagando bem, que mal tem! Acho q vamos p a pizzaria
kelly diz:
eu ja fui convidada agora vou
reginho diz:
DEEEEEEEEEEIXA, DEIXA, DEIXA EU DIZER O QUE PENSO DESSA VIDA, PRECISO DEMAIS DESABAFAAAAAAAAAAAAAAR
reginho diz:
tô ouvindo Marcelo D2
Mayara diz:
olhe a revolta
Rafael diz:
la vem
kelly diz:
kkkkkkkkkkk
Mayara diz:
essa porra, esse caralho
reginho diz:
que baralho?!
Rafael diz:
so podia vim de reginho mesmo

Rafael saiu da conversa.

Mayara diz:
kd Rafaael
kelly diz:
pois é
kelly diz:
mal educado
kelly diz:
nemtchau deu

Rafael foi adicionado à conversa.

reginho diz:
Rafael achou q tava no janelao ainda!
kelly diz:
uia voltou o mal educadinho
reginho diz:
eu q coloquei
kelly diz:
kkkkkkkkk
Rafael diz:
nem percebi
Rafael diz:
acabei de acordar
Rafael diz:
kelly me acordou
reginho diz:
vou subir, vou descer... eu não quero nem saber
Mayara diz:
socorro
kelly diz:
kkkkkkkkk desculpe
kelly diz:
oxe q foi
reginho diz:
quem é Socorro?
Rafael diz:
ta estranha hoje mayara
kelly diz:
é may reginhu
reginho diz:
pq eu desmascarei elaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaa
reginho diz:
não me segura que eu to com a razãaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaao
Rafael diz:
desmscarou como?
reginho diz:
ai Rafael, acorde depois volte p aqui
kelly diz:
ei

Mayara saiu da conversa.

kelly diz:
cortaro mayara dessa conversa
Rafael diz:
foi reginhu
reginho diz:
eu o q?
Rafael diz:
cortou may
reginho diz:
ela q fechou
kelly diz:
pois é
kelly diz:
foi reginho
reginho diz:
nao tem como tirar alguem

Mayara foi adicionado à conversa.

reginho diz:
eu que coloquei ela
reginho diz:
to colocando todo mundo [opa]
kelly diz:
aí amiga voltou
Mayara diz:
oiiiiiiiii
kelly diz:
kkkkk
kelly diz:
é besta viu
kelly diz:
aeaeaeeae
Mayara diz:
obrigada Reginho
Mayara diz:
é gente boa d+
reginho diz:
de nada Mayara Star
Rafael diz:
sei
Mayara diz:
tava dizendo isso a Kelly
Mayara diz:

kelly diz:
kkkkkkkkkkkk
kelly diz:
é tava
reginho diz:
eu sei, eu sei
Rafael diz:
mayara vamu inxiridar a confraternização de reginhu
Rafael diz:
hoje
kelly diz:
bora may
Mayara diz:
bora
kelly diz:
vai ser de graça
reginho diz:
ai, da vontade de colocar um monte de gente desconhecida aqui só p ver o cabaré
Mayara diz:
agora eh ki vamu msm
kelly diz:
kkkkkkkkkk
kelly diz:
depois da prova
Mayara diz:
e se quiser pode ir antes da prova
kelly diz:
nois vamu passar mermo
reginho diz:
amanha eu n trabalho
kelly diz:
kkkkkkkkkkkkkk
reginho diz:
quero é passar maaaal
Mayara diz:
que coincidência eu e Kelly tb
kelly diz:
may...mas nois tem que passar ainda
Mayara diz:
passar aonde
reginho diz:
eu. já. passei. em. tudo
kelly diz:
apois
Mayara diz:
adoooooooro amigos cdf
kelly diz:
esqueça naum pexte
reginho diz:
atóron perigón, atóron
kelly diz:
e vc achou aonde esse amigo cdf
Rafael diz:
mayara vamu p/ aju amanha?
Mayara diz:
nosso amigo erre
kelly diz:
ahhhh kkkkk erre
Mayara diz:
aman meu ilustríssimo marido está aki
reginho diz:
no seu cu largo e cheio de hemorroida kelly
reginho diz:
hoje eu to baixo
kelly diz:
kkkkkkkkkk
Mayara diz:
nem percebi
kelly diz:
afe como ta bruto
reginho diz:
hoje eu quero vulgarizar!
Mayara diz:
tah pior ki nóis Kelly
kelly diz:
pois é
Mayara diz:
R aeeeeeeeeeeeeeeellllllllllll
Mayara diz:
Rafael, tah vivo pexte
Mayara diz:
kelly diz:
pq vc sai e nem avisa
reginho diz:
ta que nem couro de pica, entra e sai, entra e sai
Rafael diz:
meu pai chegou fui abrir a porta ne
kelly diz:
esse rafael ta cafe com leite
Mayara diz:
reginho tah d+ viu
kelly diz:
naum ele hj ta mais baixo que cu de sapo
Mayara diz:
ói a outra
Rafael diz:
vcs
kelly diz:
kkkkkkkkkkkkkkk
reginho diz:
paz
reginho diz:
amor
reginho diz:
paxão
reginho diz:
carinho
kelly diz:
saude
Rafael diz:
falsidade
reginho diz:
buceta
kelly diz:
prosperidade
kelly diz:
kkkkkkkk
kelly diz:
eu tava so entrando no clima
Rafael diz:
eita fim de ano bom
reginho diz:
findiano, venimim
Rafael diz:
e eu
kelly diz:
mayaraaaaaaa
Mayara diz:
oiiiiiiiiii
Rafael diz:
kd vc mayara
reginho diz:
aaaaaaaaaaau
reginho diz:
ai ai ai ui ui
kelly diz:
pensei que tinha baixado um rafael em vc
Mayara diz:
late ki eu tô passandu
Rafael diz:
eu ta aqui viu kelly
Mayara diz:

kelly diz:
kkkkkkkkkkkkkk
reginho diz:
vai laaaaaaaaaatche, latche
Rafael diz:
kk
kelly diz:
gente mae ta achando que eu sou doida
Mayara diz:
vamos fazer um baile funk
Rafael diz:
ta assim é mayara
reginho diz:
a gente so invade depois que a gata pisca, bumbum nao se pede, bumbum se conquista
kelly diz:
to aqui rindo sozinha no computador
reginho diz:
ahahahaa
Mayara diz:
normal
reginho diz:
manda um xero p Pina
Mayara diz:
vamu
kelly diz:
certo
Mayara diz:
dois
kelly diz:
mas gostei do baile funk
reginho diz:
tres e jáaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaa






caré
kelly diz:
ta
Mayara diz:
já faz um tempinho que quero
reginho diz:
eu adoro funk
Mayara diz:
eu tb
reginho diz:
mas dos bem baixo mesmo
kelly diz:
e quem financia
Mayara diz:
nóis
Rafael diz:
ei
reginho diz:
tipo: é minha, é minha a porra da buceta é minha
kelly diz:
kkkkkkkkkkkkkk
Mayara diz:
ricos fofo
Rafael diz:
vou ter que ir ali
kelly diz:
quem conta a proxima
Rafael diz:
ate a noite
Mayara diz:
ali aonde
Mayara diz:
neh assim
reginho diz:
no banheiron!
kelly diz:
ate
kelly diz:
kkkkkkk
Mayara diz:
tb pensei nisso
kelly diz:
so concordou eu
reginho diz:
não... por mim pode ir! Vai tarde inclusive
reginho diz:
CREEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEU
kelly diz:
ta certo rafael
kelly diz:
eu te vejo mais tarde
Mayara diz:
Gustavo entrou na conversa
reginho diz:
ahaha
kelly diz:
mande um bj pra ele
Mayara diz:
pode d xar
ate mais
reginho diz:
ahhaha

Rafael saiu da conversa.

reginho diz:
um xero no ôio de respectivas!
Mayara diz:
kelly diz:
valeu...ate mais viu

Gente

Na boa! Bora parar de colocar banner e/ou foto de festa de Chiclete com Banana no orkut?! Bora?

Sério, já deu. Que bom que vcs foram para 473 festas de Chiclete esse ano e que ainda pretendem ir em mais 52 só nesses 15 dias que restam até o dia 31, tô aqui super feliz por vcs, nem me aguento inclusive. Mas tietagem de cu é rola!

[a mesma regra se aplica à Asa de Águia]

...

Dizem que brasileiro é preguiçoso e numseioque. Bom, não sei os brasileiros em geral, mas eu sou sim. Tiposki tá uma polêmica na cidade, discutindo se amanhã deve ser feriado local ou não em decorrência do dia de Nossa Senhora do Bom Parto [acho]. Preciso nem dizer qual minha opinião né?! Por mim seria feriado até em aniversário do cachorro da prefeita. Mas enfim. Deixa ver.
*
Passei em todas as disciplinas, eu disse TO-DAS. Bom, vieram me perguntar se eu nunca tirei um dez para fazer aquele enxame todo no post de sábado [acho, memória péssima]. Gente, é dez, tipos 10, tudo certo, 100%, tuuudo, nunca me canso.
*
Hoje tem comemoração do fim do período! Acho que vamos para pizzaria. Acho ótimo. [esse post está sendo escrito enquanto espero a hora do almoço, então tô sendo influenciado pela fome desesperada que reside dentro de myself]

Viciado... em série!

16 de dez de 2008
Quem me conhece sabe o quanto eu amo séries. Séries americanas, algumas inglesas e outras brasileiras. Amo mesmo, tipo muito.
Bom, fico querendo que as pessoas gostem das mesmas que eu, pq tipos adoro comentar sobre elas depois de cada episódio. Fico transitando em todos os gêneros: sitcom, drama, dramédia, suspense...

Escolhi algumas para comentar sobre nesse post. São as que estou acompanhando mais no momento, o que não quer dizer que só acompanhe essas.

Grey's Anatomy: Nunca suportei séries médicas, mas Grey's é completamente diferente das outras por abordar o drama de um hospital de forma diferente, não é uma série sobre médicos fodões, é uma série sobre aspirantes a médicos fodões, o que torna tudo beeem mais divertido.















Pushing Daisies:
É a série mais fofa ever do mundo. Uma mistura de conto de fadas com humor negro. Conta a história de Ned, um fazedor de tortas que descobre ainda na infância que pode ressucitar pessoas e outros seres mortos, mas com a condição de que outra coisa deverá morrer no lugar. Assim, ele começa a ajudar a polícia a resolver casos, conversando com o morto durante 1 min, que é o tempo máximo para manter uma pessoa de volta à vida enquanto outra não morre.Infelizmente foi cancelada na segunda temporada, mas ainda acompanho cada episódio com parcimonia para não acabar logo.
















Gossip Girl: Meu Guilty Pleasure favorito. Conta a vida dos jovens, fúteis e multimilionários de Manhatan. Fofoca, sexo, intrigas e muita festa. Sérião, assiste o primeiro episódio e duvido que tu não começe a querer ver mais e mais.

















Fringe:
O desafio aqui é... Assistir os primeiros 10 min. de Fringe e não ficar louco para ver o resto do episódio e depois louco por mais. Fringe aborda mistério, suspense e muita ciência. É do mesmo diretor de LOST, que dispensa apresentações. Mas em Fringe o mistério é desvendado no fim de cada episódio e não tem aquela enrolação [que tanto amamos tb] como em LOST.














Dexter:
Ele é um agente da polícia especializado em sangue e nas horas vagas é um serial killer. Dexter é aquele tipo de série que te deixa confuso, afinal tu está torcendo por um assassino, mesmo que seja um assassino "do bem", já que ele só mata outros serial killers que por brechas do sistema acabam em liberdade. No melhor estilo justiça com as próprias mãos. Fico até decepcionado quando ele não mata ninguém. Não me julguem, assistam Dexter e entendam.

















Enfim, essas são algumas séries que eu muito recomendo. Claro que tem outras e depois pretendo postar aqui, mas por enquanto sijoga nessas.
Né que eu passei na matéria do pseudoprofessorbabacão?! Ainda rolou um pequeno fight na hora da entrega do trabalho, coisa boba, ele veio com um papo de falta de cooperação, mimimi, que era um trabalho em grupo, mimimi, que a letra de algumas pessoas não dava para entender, mimimi. Telcu.
Bom, mas enfim. Passei. Só tá faltando mais uma matéria, só mais uma.

Oi. Prazer?

15 de dez de 2008
Eu tenho um problema sério, encanto e desencanto muito fácil pelas pessoas. É assim, sabe quando tu encontra uma menina linda, engraçada, aparentemente interessante, vcs ficam. Bom, no outro dia tu vasculha o orkut de todo mundo procurando a bendita. Aí começa a ler e ver coisas sobre ela que dá aquele desgostinho. Sabe? Ela continua bonita, continua engraçada, mas perdeu o interesse!
Eu ainda não decidi se sou uma pessoa tolerante ou intolerante ao extremo, juro. Porque tipos, tem que ter muito saco para guentar certas coisas na vida e eu aguento. Não com uma cara muito boa, mas aguento.
Hoje eu tô aqui assim, besta. Porque toda hora sobe janelinha no msn e eu fico pensando, "meu Deus, como é que pode?.
Gente pedante, gente ordinária. Sabe gente ordinária?! Gente que tem o ego inflado inversamente proporcional ao cérebro.
Odeio me decepcionar com as pessoas, claro, todo mundo odeia, mas comigo acontece direto. Acho que o problema está na expectativa. Sim, a expectativa fode tudo. Tu acaba criando um traço de personalidade baseado em alguns poucos momentos que passou conversando com uma pessoa, mas o foda é que muitas pessoas acabam fingindo ser o que não são num primeiro contato para impressionar. Nota: Primeiro contato não é determinante. Aquela história de que a primeira impressão é a que fica caiu por terra. Hoje as pessoas vivem num mundo de photoshop, ninguém sai sem o seu de casa. Uma pena.
Prefiro não gostar de uma pessoa pela inconpatibilidade do que pela decepção. Eu prefiro.

galere

A leitura eu não garanto, mas que o layout tá lindo, tá! [/babando]

Te quiero con lemon!

Gents. Pois é, layout novo e possofalá?! Tá lindo.
Quero agredecer imensamente a queridona da que foi quem fez tudo. Ficou xuxexo.
Sério mesmo, desde que criei o blog, desde que o blog tinha outro nome que fico condenando a pobre para criar um lay para mim. Parte disso era inveja pq ela sempre tem os lay mais fodões, criados por ela. Mas era inveja branca, boa, preocupa não.
Imaginei desde o princípio de que o trabalho dela não seria menos do que fodão, mas ficou um gozo, perfeito.
Mas agora pronto, tenho meu layout, uma identidade.

Obrigado, obrigado, obrigado .

Bora beber pra comemorar! heh.


at work

13 de dez de 2008
-ei, Reginho, tu sabe o que é esse valor cobrado na fatura do cartão de crédito?
-xovê, hum, é a anuidade.
-e tem isso é?
-claro, todo ano vem cobrando 3 parcelas de anuidade, mas não pague não, ligue e negocie.
-tá.
[pim, pim, pim... discando, digita 1, digita 5...]
-alô, oi, ô fia. É que veio cobrando aqui 3 parcelas de 20,00 reias de UNIDADE e eu não vou pagar não.
-UNIDADE NÃAAAO, É ANUIDADE. [eu gritando ao fundo enquanto ele conversa com a atendente]
-isso, é INUDADE.
-ANUIDADE, CABRUNCO. [eu novamente]
[pausa]
-isso, é isso mesmo.
[a atendente deduziu que seria anuidade e deu outro número]

Eu ganho pouco mas sidivirto!
Olha, acabei de fazer uma coisa que dá aquela vergoinha de contar para as outras pessoas, mas foda-se, conto mesmo. Bom, fiz meu cadastro num site de horóscopo. Então, eu nem acredito muito nessas coisas, mas ouvi muita gente que já possui conta lá e diz que é batata, horóscopo é cm bruxa, a gente não acredita, mas que existe, existe.
Eu tenho um pé na comunidade hippie, paz e amor, bicho-grilo, essas coisas. No fundo, no fundo sou supersticioso, gosto de incenso, velas, pedras... Realmente acredito no poder de energias, luzes. Minha única cisma é com essa coisa de horóscopo, mas como fiz o cadastro bora ver no que dá!

Gente, acabei de abrir minha caixa de e-mail e tô besta com a precisão de previsões e conselhos! Juro, super recomendo!

Para abrir a página clica lá em horóscopo ou aqui.
Opa, opa galerë. Saudades de minhas ressacas no sábado? Pois é, eu não. Mas como pau que nasce torto mija fora da bacia morre torto, eu estou aqui numa força de vontade tamanha para me manter vivo, ou acordado pelo menos.

Bom, explico. Ontem fui todo feliz fazer a prova de Direito, ia me ver livre de mais uma matéria. Mas a profa tava ruim da garganta e numseioque. Acabou que ela marcou outra para a semana que vem. Tá, tá, eu sei que ninguém tá interessado nisso mas confesso que criei esse parágrafo só para poder falar que tirei 10,0[dez, para não restar dúvidas] na segunda nota de direito que ela deu o resultado ontem. Whatever.

Assim que recebemos a nota fomos para a frente do campus tomar uma(s) cervejinha(s) [ontem tinha]. Cerveja vai, cerveja vem. Acho que bebemos todo o estoque do cara, nem voltei para a aula. Mas gente, a cereja do bolo foi... Sim, claro que teve cereja do bolo... Bom, foi um otarinho amigo de um amigo nosso que chegou todo paquito achando que era alguém na noite pq estava de astra, geral cagou pro astra dele e num ato desesperado por atenção ele deu a ré e bateu na moto do nosso amigo, que é o amigo dele [confusão mode off]. Não aconteceu nada, infelizmente, pq eu queria é ver o circo pegar fogo. Vou negar?

P.S.: além do 10,0 [deeeeeeeeez] em direito, tirei um 9,0 [nooooooooove] em psicologia! Atóron.

el ri

12 de dez de 2008


realmente moooorta [/leilalopes]

Gente, sanguenozóio. Lembram que eu disse que tava tranquilão nesse fim de período? Apois, esquece tudo, tô nervosão, tenso e asporratoda! Sério, não sei porque, mas tô. Tá, tá, eu sei, é pq tô precisando de nota. Bom, ontem fiz mais uma prova, de Recursos Materiais, quarta foi a última do pseudoprofessorbabacão! Prova não, uerro. Ai, a prova do babacão foi um evento, depois que as aulas acabarem eu conto como foi o processo.
Bom, bom xibombombom. Quando acabou a prova fomos beber uma cervejinha na frente do campus. Pq né? Tava precisado. Mas nem tinha mais. Saímos pelo mundo, divertindo gente, chorando ao telefone acabamos parando no Calçadão, aaai gente, o calçadão. Deixa eu explicar para quem não é daqui da cidade, imagine um monte de barraquinhas de pastel, espetinho, sanduiches, muuuuita gente feia e siquerendo. Bom, sentamos e pedimos uma cerveja, eis que me aparece um bêbado dizendo que ia fazer um show para nós! Ele arrasou na dublagem de Michael Jackson. Até que parecia com o próprio em sua fase black. O banheiro de lá tb é um caso à parte, meio metro para comportar um vaso, a descarga e vc, a lâmpada fica na sua testa, esquenta como no inferno.

Hoje tenho um casamento para ir, poderia dizer que uma querida amiga tá se algemando hoje e tal, mas ela já é casada , hoje é só a oficialização na igreja mesmo. Assim, nem é que eu não goste, acho desnecessário essa coisa toda, acho mesmo. Mas respeito quem gosta e acha importante, então vou marcar minha presença, jogar arroz na cabeça dos noivos, dar abraço e beijinho na fila pra foto e dizer "tá linda"!

[ai buceta, coloquei cola no olho, vou lavar]

Voltei, não precisam se preocupar[ahahahaa]. Estou bem e enxergando.
Hoje é sexta né?! Boooom...

Pra que não reste dúvidas...

10 de dez de 2008
Eu amo Ivete Sangalo... hahahaha




Ivete parandocomopoae!

Liciane, the future!

8 de dez de 2008
ai gente, tô aqui na casa de uma amiga e fui mostrar o vídeo de Liciane para ela, não resisti, vou postar aqui pq in Liciane we trust!



Liciane Bauer.
Opa, fim de semana acabou, uma pena. Mas então, foi bom. Bebi e comi muito no sábado, churrasco de confraternização do trabalho e o primeiro amigo secreto do ano. Mas ainda bem que não aconteceu nada de tão impressionante para postar aqui. Já o domingo foi um marasmo só, saí um pouco, dei comida aos pombos na praça, fiz um pequenique [mentira, só dei uma saída mesmo].

Hoje tô aqui com sono, vontade de deitaaaaar. Bom, pelo menos não terei aula, siiiiiiim, até quarta tem vestibular e eu tô de folga na faculdade.

Siiiiiiiiiim, gente como é complicado comprar presente de amigo secreto para grávida. Pq tipos, se tu der uma roupa que caiba nela agora, depois ela aposenta, ou tu dá uma que só caiba nela depois e pode ter saído de moda. Se tu der um sapato/sandália acontece a mesma coisa pq os pés ficam inchados cm os de bêbado. Acabei comprando maquiagem. Bom, aparentemente ela gostou. Até já usou hoje.

Ai, sério. Vontade de dormir!

Só reforçando

5 de dez de 2008
Findisemana venimim...


Leave me aloooooooooonde

Coloquei uma música no iPod para dar um clima na hora de escrever, mas nem consigo me concentrar com uma gritaria no meu ouvido e ainda por cima me fez esquecer sobre o que ia escrever. ¬¬' [meu forte é a rima]

Bom, mas então deixa eu falar uma coisa. Ontem me irritei, peguei ar dicumforça. Simplesmente o-de-io que me regulem, tenho 22 anos, vacinado e até onde sei dentro do que se pode chamar de sanidade mental. Então na próxima vez que alguém pensar em regular o que eu penso, falo ou minha opinião, não o faça! Ficadica.
Ando com meu nível de tolerância lá embaixo, mas hoje é sexta[traga uma cervejaaaaaa...] e [vou subir vou descer] eu não quero nem saber, termina mais uma semana da faculdade, a penultima para muitas matérias. Ui, frio na barriga, mentira, nem tô. Pense num período que eu não tô me preocupando muito, não sei se isso é bom ou ruim, mas é fato.

Mudeeeeei tuuuuudooo...

3 de dez de 2008
Pois é, o nome do blog é outro. Quem conseguiu chegar aqui vai avisando para geral que o nome do blog e o domínio mudou!



beijosmedivulga





Em breve, novo layout! [espero]
1 de dez de 2008
Odeio gente fodona. Sabe?

Ai, deixa.