24 de dez de 2008
Olha gente, eu não sou a pessoa mais lembrada do mundo. Na verdade eu sou beeem esquecido. Então quando chega essas datas onde todo mundo se cruza na rua e deseja "feliz isso", "feliz aquilo" eu me passo por mal educado.
Geral vem falando "feliz nataaaaal", pausa para processamento e um segundo depois eu lembro que realmente estamos no fim do ano já e que as pessoas normais de cumprimentam assim.
Mas sério, tem horas que nem é esquecimento, é que meu cérebro não acompanha a situação. Tipos que dia desses fui no aniversário de um amigo, cheguei e dei os parabéns, falei com a família dele, comi, bebi e só depois lembrei que ele é gêmeo, consequentemente o irmão dele tb estava fazendo aniversário e eu nem aí. Mas tb já era tarde demais para dar os parabéns, continuei fingindo que tava tudo certo.
Eu fico com aquela coisa na cabeça, "daqui a duas semanas eu tenho um compromisso, sei que tenho". Tá, ok, mas eu não lembro onde, com quem, nem hora. Não ajuda muito né?!
Mas ontem foi demais. Um amigo disse que ia em minha casa à noite, certo, até aí tudo bem. Tipos que cheguei em casa e sabia que tinha algo para fazer, tomei banho esperando lembrar e depois me arrumar rapidão. Passa hora, passa hora e nada de lembrar. Hoje foi que me toquei que eu não tinha para onde ir, justamente o contrário, tinha que ficar em casa esperando ele. Bom, estou agora perguntando porque ele não foi.
Resposta: Foi mal, esqueci que tinha um amigo secreto para ontem.

É, pelo menos não estou sozinho!

0 comentários: