18 de set de 2008
Não sou uma pessoa romântica. Não mesmo, nunca fui. Mas também não sou um insensível arrogante. Posso me definir na qualidade de sentimentalista, sei lá.

Assim, claro que eu me emociono com filme, com música, com criança[as boazinhas, as chatas eu faço careta]. Só que não vejo tudo como uma novela das seis. Sério, não tem coisa mais chata do que gente que acha que a vida é perfeita.

Sério, imagina se nós não sofressemos nunca, se o cd de Alcione ao vivo não despertasse nenhum sentimento em nós [ahahaha]. Aí vem a parte do sentimentalismo, uma música desperta isso em nós, mexe com os sentimentos, não com o romantismo. Nunca mandei flores, acho cafona. Não critico quem gosta de usar esse artifício na conquista, em datas especiais, mas eu não gosto. Pelo menos não de rosas. Mas adoro escrever cartas, em tempos de msn, orkut e afins. Eu gosto de escrever cartas. Bem verdade que nunca mais as escrevi, mas já derramei muito sentimento em linhas, linhas, linhas.

Sou uma pessoa apaixonada, constantemente, intensamente. Sempre pelas mulheres erradas, sempre pelas impossíveis. Gostei de uma menina por 5 anos, desses 5 fiquei com outra por 2. Parecia conto de Nelson Rodrigues. Entre idas e vindas tô sem nenhuma das duas, e ainda com a indiferença e ojeriza por parte de respectivas.

Nunca fui exemplo para ninguém, também nunca quis ser. Fiz muita coisa errada, ainda faço. Mas tento numa força sobrehumana não comete-los com tanta intensidade. Não sei se consigo, até pq n sei o q é certo ou errado até ver as consequências desses atos. Mas eu tento, juro que tento.

5 comentários:

flávio disse...

"...Parecia conto de Nelson Gonçalves."

Como assim????

Num seria Nelson Rofrigues???

flávio disse...

*Rodrigues

srta. Moda disse...

fala sério R...
desde qnd eu sou a mulher errada??

:PP

Aline disse...

Ói já!!
achei mto profundo...


"amores certos nos períodos errados..."
já li isso em algum lugar! rs

umsollindoazul disse...

geeeente... locodibala!

flavs, thanks! Retificado

ahahahaha